Ações da ABIQ

Queijo é bom e faz bem

24, novembro, 2021

O queijo que chega na sua mesa é o trabalho de uma longa cadeia de produção e logística.

O queijo que chega na sua mesa é o trabalho de uma longa cadeia de produção e logística.
 
 
Começa cedinho, em mais de 1.1 milhão de propriedades rurais, faça chuva ou faça sol, seja domingo ou feriado. Nessa rotina diária, nessa labuta sem intervalo, produtores de leite brasileiros, a maioria pequenos produtores e suas famílias, retiram no amanhecer, o leite fresquinho. E numa roda contínua de parceria e troca de conhecimentos mútuos, também os laticínios coletam e recebem esse leite, 7 dias por semana, 365 dias por ano. E o Minas Frescal que você consome no seu café da manhã da segunda pode ter sido trazido no domingo. Ou pode ser que no domingo, o mestre queijeiro passou para olhar o ponto de corte da massa, para que seu queijo chegue sempre com as mesmas características e a mesma qualidade.
 

E desse ponto de partida tão singelo e tão importante - o leite fresco e perecível,  essa única matéria prima, tão rica em nutrientes, um dos alimentos mais completos, se transforma em centenas de tipos de queijos para sua escolha.

Não importa o tamanho do laticínio, todo queijo é um processo basicamente natural.  Muito pouco se acrescenta ao leite para que ele se transforme em queijos: coalho para coagular, fermentos para formar a massa sólida, sal como conservante natural, uma cepa de maturação especial, alguma proteção para a casca. E por aquecimento, agitação, enformagem, prensagem e maturação, os queijos surgem na sua casa.

Em diferentes formatos e gostosos sabores, com a missão de formar ossos e dentes em crianças pequenas, de desenvolver cérebros, ajudando a manter músculos firmes, a manter um individuo nutrido e saudável por  muitas décadas. 

A indústria brasileira de queijos é a quinta maior produtora de queijos no mundo com mais de 1,2 bilhão de ton produzidas em 2020 . Ela absorve quase 40% de toda a produção leiteira do Brasil que ultrapassa 33 bilhões de litros de leite. Espalhada por todas as regiões do País, em muitas localidades é a pioneira no desenvolvimento local de municípios. È quase sempre a precursora em levar boas práticas de produção, de manejo do rebanho, de sanindade animal e bons tratos aos mamíferos e ao meio ambiente. 
 
 
Numa complexa operação de manter os queijos refrigerados, cortando estradas de terra ou  de tráfego intenso, ela é responsável por você ter queijo em qualquer esquina. Quer seja marca regional, típica de terroir, ou marca nacional de apreciação geral.
 
E assim, a indústria brasileira de queijos tem convição que qualifica produtores e aprende, gera renda e tem  um papel importante na manutenção de gerações  dedicadas ao campo, cada dia com demandas mais complexas, modernizantes e desafiadoras. Ela sabe de sua íntima interrelação, dependência e responsabilidade para com o meio ambiente. Acima de tudo, ela entende sua responsabilidade no papel nutricional que o queijo representa para nutrir, alegrar e propiciar bem estar a milhões de famílias e indivíduos brasileiros.


Voltar

ABIQ Associação Brasileira das Industrias de Queijo

Praça Dom José Gaspar, Nº 30, 10º andar
01047-901 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348