Notícias

Mercado global de iogurtes de beber expandirá US$ 13 bilhões nos próximos quatro anos

12, fevereiro, 2016

O mercado de iogurtes para beber deverá expandir-se em aproximadamente US$ 13 bilhões até 2020, de acordo com uma recente análise do Technavio. O iogurte para beber, que atualmente tem um mercado de US$ 27,7 bilhões no mundo todo, crescerá 7% em 2016 e a uma taxa de quase 8% por ano até 2020. O analista de pesquisa em alimentos e bebidas da Technavio, Vijay Sirathi, disse que o mercado da Ásia-Pacífico domina o mercado de iogurtes de beber, com uma participação de 39% nas receitas em 2015. Isso deverá aumentar para quase 45% até 2020.

“A crescente demanda por iogurtes para beber na Área para Comércio na Ásia e Pacífico (APAC) é devido ao maior consumo em países como China e Japão. Os consumidores na APAC consideram os iogurtes para beber como sendo mais saudáveis e saborosos do que outras bebidas adoçadas. Os processadores de iogurte para beber estão investindo bastante nas fazendas leiteiras para garantir um fornecimento estável de leite para a produção de iogurtes para beber”. A Europa também está vendo um crescimento firme de quase 5% ao ano, de acordo com o relatório.

O mercado de iogurtes para beber dos Estados Unidos teve um crescimento moderado de 2,1%, mas Sitathi disse que esse é quase um estado de maturidade. O mercado de iogurte dos Estados Unidos pode ver um crescimento maior com o iogurte congelado (frozen), que tem visto uma expansão por ano de mais de 20% nas vendas.

Sobre os locais onde o iogurte para beber poderá ter sucesso, Sirathi citou as “economias em crescimento”, como Brasil, Rússia e Índia, que estão mostrando ser as melhores áreas para essa categoria. “O aumento dos estilos de vida e gostos ocidentais e a maior renda disponível entre os consumidores mais jovens, de 20-35 anos, está estimulando os vendedores a lançar variantes mais inovadoras visando esse grupo. A confiança nas marcas estrangeiras está aumentando na China e na Índia e as companhias estrangeiras estão aproveitando a tendência prevalente lançando produtos com sabores locais”.

À medida que os consumidores se afastam de ingredientes com açúcar e buscam os naturais, Sirathi disse que o iogurte com sabor se posiciona como um “lanche saudável para consumidores conscientes” à medida que seus novos produtos lançados estão direcionando a receita do mercado.

“O recente crescimento nos iogurtes e iogurtes de beber tem sido direcionado pela inovação nas combinações de sabores, combinações de probióticos e embalagem. Por exemplo, o Chobani Strained Yoghurt é vendido sem gordura e sem conservantes, sem flavorizantes artificiais, ou adoçantes, e é feito com ingredientes obtidos naturalmente. Similarmente, os iogurtes de beber Benecol são bebidas com menos colesterol, e a marca afirma que o consumo de uma garrafa por dia contém apenas a quantidade certa de estanóis vegetais, que já mostraram reduzir o colesterol”.

Os iogurtes de beber também estão entrando no setor de sabores salgados, como beterraba, cenoura e tomate, da Blue Hill. Os consumidores estão dispostos a tentar novas coisas, até mesmo adoçantes artificiais, como stevia, em seus iogurtes para beber. Esses têm recebido respostas positivas dos consumidores, disse Sirathi.

Fonte: Milkpoint, informações do Dairy Reporter, 12/02/2016

Voltar

ABIQ Associação Brasileira das Industrias de Queijo

Praça Dom José Gaspar, Nº 30, 10º andar
01047-901 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348