Notícias

CAPTAÇÃO DE LEITE EM MATO GROSSO CAI 2% E PREVISÃO É DE PREÇO MELHOR

08, março, 2016

O IMEA divulgou o balanço semanal o mercado do leite em Mato Grosso e aponta que, "contrariando as expectativas sazonais, a captação de leite no Estado recuou 2% entre dezembro de 2015 e janeiro passado, e em relação ao mesmo período do ano passado, houve recuo de 14%.

A baixa oferta de leite teve como um dos principais fatores as condições climáticas desfavoráveis no segundo semestre de 2015, que deram espaço a um período mais seco. Além disso, com a necessidade de suplementação do rebanho, alguns produtores optaram por secar as vacas como alternativa para reduzir os custos, tendo em vista que os preços da ração são muito altos nesta época do ano. Assim, estes fatores, aliados ao aumento no descarte de vacas, reforçam o cenário de oferta de leite menor nesta safra.

O IMEA conclui: "portanto, devido a esta retração de oferta, os agentes do mercado preveem uma possível reação positiva nos preços pagos ao produtor. Ou seja, este é o momento para que o produtor consiga obter melhora nos preços, contornando este momento crítico da atividade".

Apesar do período considerado leiteira, o preço pago ao produto segue firme, com uma leve queda de 0.12%. Mesmo na safra, o volume captado do leite em Mato Grosso recuou 2,15%. Foram produzidos 45 milhões de litros. O leite UHT na indústria sofreu queda de 18,7%, reflexo das férias escolares que reduzem a demanda.

Voltar

ABIQ Associação Brasileira das Industrias de Queijo

Praça Dom José Gaspar, Nº 30, 10º andar
01047-901 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348