Notícias

Chile cresce 41% a exportação de queijos

15, fevereiro, 2008

As exportações de lácteos entre janeiro e dezembro de 2007 cresceram 41%, depois de registrar envios de US$ 171 milhões, que se confrontam com os US1 milhões do ano anterior, segundo cifras da Aduana do Chile.

As exportações de lácteos entre janeiro e dezembro de 2007 cresceram 41%, depois de registrar envios de US$ 171 milhões, que se confrontam com os US1 milhões do ano anterior, segundo cifras da Aduana do Chile. O montante exportado representa um total de 362,4 milhões de litros equivalentes de leite, exportados através de queijos, leite em pó, leite condensado, soro em pó e permeado de soro, entre outros que foram enviados ao exterior. Os queijos aparecem como o principal produto vendido ao exterior com um volume total de 16.267 toneladas, que equivalem a 45% do total do volume exportado. A Soprole é a companhia que lidera as exportações de queijo com um total de 7.518 toneladas, ou seja, 46,2% do total exportado. A Colún enviou 3.826, representando 23,5% do total dos queijos exportados. Os principais destinos das exportações de lácteos foram: México (54,3%), Venezuela (8,9%), Cuba 6,0% e Estados Unidos (5,8%).
Fonte: Selecuts 2926, 15/02/2008, Peruláctea – Tradução: www.terraviva.com.br

Voltar

ABIQ Associação Brasileira das Industrias de Queijo

Praça Dom José Gaspar, Nº 30, 10º andar
01047-901 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348