Notícias

Leite na UE continua baixando mas sobem na Nova Zelândia

13, maio, 2008

O preço do leite na UE em março de 2008 seguiu com a tendência a baixa iniciada em dezembro, depois de contínuas altas desde maio de 2007.

O preço do leite na UE em março de 2008 seguiu com a tendência a baixa iniciada em dezembro, depois de contínuas altas desde maio de 2007. O preço em março baixou 1,5 cêntimos/ kg, para uma cotação média de 36,37 €/100 kg (60,51 ptas/kg). No acumulado do ano, o preço caiu 2,94 cêntimos/kg. Ainda assim, apesar desta redução, os preços seguem mais altos que no mesmo período do ano anterior. Em relação a março de 2007, o preço em março de 2008 subiu 1,9 cêntimos/kg, segundo informação da organização LTO. Estes preços foram calculados como média do pagamento de 17 das mais importantes indústrias lácteas que atuam na UE. O preço se refere a um leite com 4,2% de matéria gordurosa, 3,4% de matéria protéica, menos de 25.000 bactérias, menos de 250.000 células e entregas anuais de 500.000 kg. Nos Estados Unidos, em março, o preço subiu ligeiramente em relação ao mês anterior. Este aumento foi tão tênue (+ 0,12 cêntimos/kg) que não conseguiu elevar o baixo preço alcançado em março de 28,53 €/100 kg. Nos três primeiros meses do ano, o preço caiu 6,1 cent/kg. O preço em março passado baixou 4,28 €/100 kg em relação a março de 2007. O Na Nova Zelândia, em março os preços subiram, seguindo a tendência à alta iniciada em outubro passado e que só se viu paralisada em janeiro com uma ligeira baixa. Em março, a cotação média chegou a 28,69 €/100 kg (47,74 pts/kg), preço 0,4 cêntimos/kg mais elevado que o do mês anterior e 0,57 cêntimos/kg mais alto que o de março do ano passado.
Fonte: Selectus 2985, 13/05/2008, Agrodigital

Voltar

ABIQ Associação Brasileira das Industrias de Queijo

Praça Dom José Gaspar, Nº 30, 10º andar
01047-901 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348