Notícias

Alto nos preços gera ação nos supermercados americanos

26, junho, 2008

Diante da resistência dos consumidores a um cardápio mais caro e a preços mais altos nas compras de supermercado, empresas de produção, distribuição e varejo de alimentos dos Estados Unidos estão respondendo à alta das commodities

Diante da resistência dos consumidores a um cardápio mais caro e a preços mais altos nas compras de supermercado, empresas de produção, distribuição e varejo de alimentos dos Estados Unidos estão respondendo à alta das commodities com um esforço para reduzir ainda mais os custos em sua cadeia de suprimento. Isso quer dizer lidar com excesso de estoques, rotas de caminhões ineficientes, planilhas de produção mal elaboradas e a administração do processo via sistemas de computadores. Antes, era mais barato para ela encher algumas garrafas de bebidas com mais do que a quantidade especificada do que gastar em máquinas, sistemas de informática e pessoal para garantir que uma garrafa de 600 ml tivesse exatamente 600 ml. A alta do açúcar, do cacau, do leite e de outros suprimentos convenceram a empresa a "declarar guerra ao desperdício" e fazer muitos daqueles investimentos, diz Jeff Kurtenbach, diretor de cadeia de suprimento da Nestlé USA. CLIQUE AQUI para ler a matéria na íntegra.
Fonte: Selectus 3016, 26/06/2008, Valor Econômico

Voltar

ABIQ Associação Brasileira das Industrias de Queijo

Praça Dom José Gaspar, Nº 30, 10º andar
01047-901 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348