Notícias

Protecionismo pode voltar

07, outubro, 2010

O alerta partiu do Brasil – ecoado por discursos do ministro da Fazenda, Guido Mantega, e do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles – e tomou conta da agenda econômica global.

Mantega, e do presidente do Banco Central, Henrique Meirelles – e tomou conta da agenda econômica global. A crescente onda de desvalorização de moedas promovida por alguns países, tendo o objetivo de estimular suas exportações, pode se transformar em algo que as autoridades brasileiras chamaram de “guerra cambial”. Mas a coisa pode ser ainda mais profunda. Caso as disputas cambiais não sejam resolvidas, dizem especialistas, o mundo pode se ver diante de uma guerra protecionista, nos moldes da que acentuou a Grande Depressão econômica da década de 1930.
Fonte: Selectus 3571, 07/10/2010,Último Instante

Voltar

ABIQ Associação Brasileira das Industrias de Queijo

Praça Dom José Gaspar, Nº 30, 10º andar
01047-901 - São Paulo - SP
Tel.: (11) 3259-9213 / 3259-8266 / 3120-6348